A Voz da Superação, O Chamado da União! Unidas Somos a Voz de muitas!

Seguindo as pesquisas de filmes, documentários e seriados que abordam os diversos temas acerca do universo feminino, não poderia deixar de iniciar este artigo falando do filme do momento, que está enchendo as bilheterias e tendo um imenso hype! Para quem ainda não foi assistir, uma obra maravilhosa e empoderadora que pede “bis”!

Mulher Maravilha traz um roteiro inteligente e crítico, com personalidade e coragem para fazer renascer dentro de nós aquilo que muitos esperavam, o resgate do que temos de mais sagrado para combater qualquer guerra: o Amor! Longe de ser apenas mais um filme de super-heroína, é uma obra que vibra, relembra e resgata o poder do Eu Feminino Sagrado e a máxima: “I Believe in Love”! E isso com uma emoção profunda, que não há como evitar as lágrimas em certas cenas.  

E fazendo jus ao tema, deixo aqui dicas muito especiais de outras obras que estão vindo com tudo desde poucas décadas para cá, escancarando a voz que não quer calar, aquela que foi e que permanece tentando ser abafada, evitada, alienada, escravizada e desvalorizada pela sociedade machista, muitas vezes excludente, preconceituosa e distorcida diante dos reais valores e essência que toda mulher tem dentro de si.

Nosso maior compromisso é proteger, guardar, nutrir e propagar sementes de Vida envoltas em Amor, e ainda ensinar os homens – aqueles que ainda não sabem, não receberam isso de suas famílias ou não tem consciência – de que esses valores também existem no seu interior, na sua essência, porque todos somos yin e yang, feminino e masculino. Aproveite as dicas, viva a experiência e tire de cada uma dessas obras uma lição para sua vida. Namastê! Com amor! ❤  

  • EMBRACE (ABRACE) 2016 – Documentário sensível, emotivo, muito alegre e de grande coragem da protagonista, que expõe a própria vida e a experiência com próprio corpo para nos relembrar da máxima: precisamos nos amar como somos, precisamos amar nossos corpos como templos da alma e não como meros objetos.

  • GLOW (Gorgeous Ladies of Wrestling) 2017 – Seriado divertidíssimo e, ao mesmo tempo, com uma pegada leve e inteligente, ambientada nos anos 80 e baseada em eventos reais. Mostra os desafios de ser mulher numa sociedade machista da época com profundidade emocional, abordando situações que muitas mulheres passam na vida real e que ficam guardados nos bastidores ou nas “suas sombras”.

  • FINDING HOME – 2014: Menciono novamente o Documentário da Rapha House (Projeto Internacional intitulado “Amor, Resgate e Cura”) – uma profunda, emocionante e também difícil jornada de superação contra o tráfico sexual de crianças e jovens em Camboja e outros locais.

  • THE KEEPERS – 2017: Documentário de investigação – desenvolvido em sete partes – envolto na polêmica morte de uma das mais amadas freiras e professora de um Colégio Católico, que teve sua voz calada ao tentar trazer à tona os abusos sexuais sofridos por inúmeras alunas. As investigações do caso levaram à descoberta de segredos da Igreja envolvendo abuso, memórias reprimidas e crimes que aconteceram em uma das cidades mais problemáticas dos Estados Unidos. Ainda assim, o assassinato permanece sem solução. Conta ainda com entrevistas de amigos, parentes, jornalistas, oficiais do Governo e cidadãos de Baltimore determinados a descobrir a verdade.

  • I’AM JANE DOE – 2017 (“Jane Doe” é um termo usado nos países de língua inglesa por pessoas consideradas “desconhecidas”) – Documentário investigativo que acompanha casos verídicos de meninas americanas escravizadas pelo comércio sexual infantil, através de anúncios nos classificados online de um jornal famoso. Casos revoltantes que são um espelho do que acontece no mundo, e muitos deles ainda sem receber a devida justiça pelas falhas das leis humanas.

  • HIDDEN FIGURES (ESTRELAS ALÉM DO TEMPO- 2016): é um filme baseado em história e fatos reais, um drama biográfico baseado no livro homônimo de Margot Lee Shetterly. Conta a história de três mulheres que precisaram lidar com o preconceito arraigado para que conseguissem ascender na hierarquia da NASA, além de provar sua competência dia após dia pelo simples fato de serem mulheres negras. Em plena Guerra Fria, Estados Unidos e União Soviética disputam a supremacia na corrida espacial, ao mesmo tempo em que a sociedade norte-americana lida com uma profunda cisão racial.

  • CAPTAIN MARVEL (CAPITÃ MARVEL) – Estréia prevista para Março/ 2019: Filme de aventura que contará a história de Carol Danvers – Miss Marvel – uma agente da CIA que tem contato com uma raça alienígena e ganha poderes sobre-humanos. Além de um filme de super-heroína, esperamos o que a Marvel sempre traz: profundidade emocional e identificação com o lado humano da personagem.

  • A VESPA (Ant-Man and The Wasp – Estréia prevista para Julho/ 2018): Será a primeira vez que uma heroína será a protagonista de um filme do estúdio Marvel. Filme de aventura. A sinopse ainda permanece sob certo sigilo.

 

Saiba mais: Filmes, Documentários e Séries de Tv que abordam o Feminino Sagrado – Parte 2

Anúncios

Sobre Wohali Terapias

Educação Terapêutica Integrada

Publicado em 2 de julho de 2017, em Artigos, Feminino Sagrado, Filmes, Vídeos e Documentários. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: