Artigos, Mensagens Guardiãs/ Guardiões da Vida, da Lei e da Justiça Divina

Momento de Vigília: Ação no Recolhimento

sol_corac%cc%a7a%cc%83o_godess

“Você tem muito a trazer para o mundo e tão pouco em se preocupar com ele!

Afaste-se do conflito, da preocupação, dos problemas do mundo, que não cessam e tão cedo não cessarão. Afaste-se dos dramas emocionais daqueles que, tardiamente, decidiram agir, seja pela lei do livre arbítrio, da afinidade ou da força-vontade. Atraíram naturalmente para si energias retrógradas por terem que apressar o passo diante das pendências que agora, atrasadas, estão empilhadas no cômodo da consciência, pesando-lhes as cabeças, o corpo e o espírito.

E não há para onde fugir. Para todos estão sendo dadas as tarefas e os afazeres da sua “casa interior” que não foram concluídos: as arestas da personalidade que não foram aparadas, as perguntas que não foram respondidas, as decisões que se fizeram de rogadas e foram adiadas, o sentimento de fé que não foi persistido, o amor que não foi doado e expandido, as palavras apertadas que não foram ditas, a constante preguiça que não deu espaço para uma atitude necessária, a oportunidade que deixou de ser vista, a janela que ficou fechada e impediu a luz da mudança de entrar, a porta do coração que não foi aberta por orgulho, egoísmo, irracionalidade, inexistência de solidariedade e amor.

Todas essas tarefas não cumpridas, seja por preguiça, por desprezo, seja por ilusões ou por atraso, estão sendo despejadas sobre todos agora como um balde de água fria, que pode, de fato, colapsar algumas realidades. Certamente, uma configuração de rotina muito diferente desta não aconteceria, pois a aceleração planetária se faz agora como uma gigante onda.

Aqueles que se transformaram, se trabalharam, se esforçaram para “trocar de pele” e foram, muitas e muitas vezes, ao limite e além de suas forças para se manter nos trilhos e no caminho retilíneo dos desígnios da alma, estarão na crista dessa onda, muito mais percebendo e testemunhando o caos gerado por outros que, ao contrário, estarão se revirando nas profundezas dos redemoinhos emocionais próximos à areia ou nos desconfortáveis solavancos das marés de mudanças que não virão com calmaria.

Para todos e para cada um, individualmente, é dado o necessário apoio e suporte, o alento e a sabedoria, o amor e a confiança no porvir, a fé para liberar cada vez mais o passado e, diante deste aparente “vazio de morte” dar espaço à Vida. Mas, de nada servirá este suporte se houver o intento em se manter na lamentação, na vitimização, na reclamação constante diante desta jornada que você mesmo escolheu, apenas atrasando ainda mais as tarefas pendentes e as novas que lhe serão concedidas.

Dedique um tempo para parar. Reflita, silencie, observe e contemple: este sempre será o momento propício, a hora da ação, da oportunidade e dos avanços, dos novos começos, da mudança e das transformações, do constante lapidamento do ego e da personalidade, a fim de alcançar e se aproximar cada vez mais da sua essência divina, do aprimoramento em manter a consciência desperta, de Ser o amor universal que vibra e simplesmente é em nós e no universo, de Ser e Estar em constante movimento para que os ciclos maiores de vida-morte-vida se perpetuem dentro e fora de nós.

Busque por isso, por este trabalho e movimento, por esta transformação e autoconhecimento, por esta sabedoria e amor dentro de si, constantemente, e o equilíbrio se fará presente, e o universo – assim como quando ressoam harmonicamente as cordas de um violino – ressoará para o seu mundo pessoal, emocional e espiritual a vibração que você irradiar.

Procure por locais onde sua alma poderá existir, onde não haja a “polarização da luz ou das sombras”: onde não haja um falso brilho disfarçado de luz que não seja possível identificar as sombras, ou tantas sombras que não seja possível identificar a luz.

Busque a neutralidade em todo o seu processo transformacional e criacional. Assim, em meio à vibração energética que você melhor se afinar, encontrando novamente seu centro de força-vontade, de fé, amor, sabedoria e poder interior, suas raízes estarão profundamente fortalecidas em terra fértil, e suas asas poderão ser abertas sem receios, para alçar voo rumo ao propósito da alma em harmonia ao propósito na matéria através do amor que, quando expandido por um coração pacífico e sintonizado à alma, simplesmente será um estado do Ser!

Esforce-se para atingir este objetivo, permaneça confiante no caminho. Exercite essa confiança e procure pelos testes e desafios da vida, que virão até você como provas ou resultados do seu próprio aprendizado e das tarefas cumpridas. Não desanime diante das suas falhas e eventuais desalinhos, porque fazem parte de novas oportunidades de aprendizado e evolução. Mas, não as entregue de bandeja à estagnação, às frustrações do ego, aos apegos do passado, às dissonantes energias ou consciências que virão para nublar e confundir a rota do seu trem.

Permaneça firme e forte nas decisões de forma objetiva. Volte à trás, se preciso for, para retomar os trilhos, as rédeas de sua vida e lembre-se: aquele que planta sementes ou espinhos, lhe será oferecida a colheita daquilo que plantou na mesma proporção.

Sempre é hora de investir em si e no seu constante desenvolvimento humano, em dar o próximo passo mesmo que o medo venha convidar você a se juntar a ele. Uma rosa só pode ser colhida com toda sua plenitude e beleza, com todas as suas nuances de cor e perfume, com a delicadeza das suas pétalas e a força dos seus espinhos, se à roseira for dada a devida atenção, esmero e dedicação.

Somos exatamente como as rosas e, nossa jornada pelos jardins da vida, como a roseira: somos movimento, beleza, cor, perfume; somos pétalas, espinhos, expansão, amor e paixão; somos vida, morte, retração, renascimento e recomeço; Somos o início, o meio e nunca um fim! SEJA!”

Mensagem recebida em canalização: Dama Helena – Uma Guardiã da Vida, da Lei e da Justiça Divina

Leia mais mensagens de Dama Helena aqui: Você é responsável por mostrar a verdade e não por esconder a mentira / A Fraqueza é uma ilusão: a Força Interior será sempre uma verdade

 

 

Anúncios