Artigos, Filmes, Vídeos e Documentários

Missão Azul: protegendo e preservando nossos oceanos!

Mission-Blue_Netflix 2

ASSISTA O TRAILER LEGENDADO AQUI: https://youtu.be/Eo4BvQkhh1s

Mission Blue – Missão Azul – conta a história da renomada oceanógrafa Sylvia Earle, enquanto viaja pelo mundo numa missão para revelar as condições precárias dos oceanos da Terra e, também, objetivando mostrar a importância e a nossa responsabilidade em proteger e preservar a vida marinha para que o planeta se mantenha em equilíbrio diante dos seus inúmeros ecossistemas.

Missão Azul é uma iniciativa global de Sylvia Earle Alliance, uma organização que foi formada em resposta ao Prêmio TED 2009, onde Sylvia faz menção ao seu desejo solicitando às pessoas que usem todos os meios à sua disposição – filmes, expedições, a web, novos submarinos – a fim de criar uma campanha para inflamar o apoio público para uma rede global de áreas marinhas protegidas: “Espero spots grandes o suficiente para salvar e restaurar o coração azul do planeta“. Você pode assistir a palestra de Sylvia no TED, em inglês: http://www.ted.com/talks/sylvia_earle_s_ted_prize_wish_to_protect_our_oceans?language=en ou diretamente na NETFLIX.

mission_blue_combo

Atualmente, a comunidade Missão Azul inclui mais de 100 grupos respeitados e responsáveis pela conservação dos oceanos, assim como organizações afins formadas por grandes empresas multinacionais e equipes científicas individuais que fazem a parte mais importante da pesquisa.

Mission-Blue.org é uma rede social e comunidade oceanográfica que procura fazer valer o desejo de Sylvia por despertar a consciência pública sobre as questões oceânicas críticas, inspirando o apoio de organizações, projetos e expedições científicas que fazem uma diferença muito positiva para os oceanos. Décadas de sobrepesca, poluição,  alterações climáticas, acidificação e outras pressões humanas ameaçam a natureza fundamental do oceano – e, portanto, o futuro da humanidade.

O objetivo principal desse projeto é encorajar todos os cidadãos do mundo que se preocupam com os oceanos para chegar e apoiar a missão azul em qualquer maneira que puderem. Segundo dados constantes no documentário, cerca de 2% dos oceanos é totalmente protegido e apenas 5% estão fora das ameaças conhecidas. Com esforço concentrado e pessoas apaixonadas, podemos continuar esta tendência positiva e ajudar a criar uma rede global de “Locais de Esperança”, nome intitulado desta forma pela cientista aos locais onde a natureza se recupera e se reconstrói com a proteção humana. Esses sim, serão as sementes do oceano saudável de amanhã!

Mais informações sobre o projeto estão no site: http://mission-blue.org/about/

Para quem ainda não conhece ou não ouviu falar nas conferências e palestras do TED – Tecnologia, Entretenimento, Design – vale à pena conferir! O TED representa uma fundação privada sem fins lucrativos dos EUA, mais conhecida por suas conferências na Europa, Ásia e Estados Unidos destinadas à disseminação de ideias. Segundo as palavras da própria organização, ideias que merecem ser disseminadas. Suas apresentações são limitadas a dezesseis minutos e os vídeos são amplamente divulgados na Internet e NETFLIX.

E por falar em despoluição dos oceanos, uma notícia que tem sido disseminada na Internet há alguns meses é a inovação criada por um jovem de 19 anos, responsável por um plano ambicioso apoiado por mais de 100 pesquisadores, cientistas e ambientalistas. O holandês Boyan Slat criou a Ocean Cleanup, uma tecnologia capaz de limpar o lixo do Oceano Pacífico em uma década.

Boyan Slat ocean

Ocean Cleanup

ASSISTA O VÍDEO sobre a Tecnologia Ocean Cleanup AQUI: https://youtu.be/6IjaZ2g-21E

O sistema funciona como uma barreira flutuante que aproveita as correntes oceânicas para bloquear os resíduos encontrados no mar. Nos testes com um protótipo, a barreira foi capaz de coletar plásticos em até três metros de profundidade. O sistema também recolheu pouca quantidade de zooplâncton, o que facilita o reaproveitamento e a reciclagem do plástico. A estimativa é de que o sistema remova 65 metros cúbicos de lixo por dia.

A ideia do projeto começou quando Slat, anos atrás, mergulhava na Grécia e viu mais garrafas de plástico do que peixes. Desde então, desenvolveu a tecnologia, montou um site com todas as especificações, fez um estudo de viabilidade e uma campanha para financiar seu objetivo. A primeira apresentação da tecnologia aconteceu em um TEDx na Holanda, há mais ou menos dois anos. Certamente, sua ideia não foi bem recebida por todos. Como resposta, Slat e uma equipe de pesquisadores fizeram um relatório com 530 páginas, justificando a viabilidade do projeto. O próximo passo é testar o sistema em larga escala e aumentar a produção, através da busca por financiamento coletivo. Para quem quiser estar por dentro, mais informações podem ser acompanhadas no Face: https://www.facebook.com/TheOceanCleanup ou no site oficial: http://www.theoceancleanup.com/

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s