Artigos, Terapias Integrativas

O significado do “estalar de dedos” em trabalhos de cura

estalar de dedos 1

Tendo em vista muitos pacientes e alunos me perguntarem o porquê do estalar de dedos em meus trabalhos terapêuticos, decidi trazer este tema para o Blog como esclarecimento.

Nossas mãos possuem uma quantidade enorme de terminações nervosas que se comunicam com cada um dos chacras de nosso corpo e, consequentemente, com meridianos e órgãos específicos. Segundo Ramatís: vossas mãos, como vossos pés, possuem terminais nervosos que se comunicam com cada um dos gânglios e plexos nervosos do corpo físico e com os chacras do complexo etérico-astral.

Essas terminações nervosas das palmas das mãos, assim como a relação entre os dedos e os chacras, há muito tempo são conhecidas da Quiromancia, do Yoga, da Acupuntura, do Shiatsu, do Jin Shin Jiutsu, da Medicina Tradicional Chinesa e Ayurvédica, da Umbanda, da Apometria no Espiritismo, entre outras filosofias orientais e práticas terapêuticas.  Estarei me detendo apenas na explicação técnica deste tema, não me detendo na especificação dos dedos com os chacras, pois esta relação é diferente dependendo da filosofia e da técnica aplicada.

Tecnicamente, o estalo dos dedos se dá sobre o Monte de Vênus e, dentre as inúmeras funções conhecidas dele, está a retomada de rotação e frequência do corpo astral ou emocional, “compensando-o” em relação às vibrações do duplo etérico ou perispírito, aumentando a liberação e doação de ectoplasma pela aceleração dos chacras. A energia movida tem origem nas condensações do fluído cósmico universal e, com isso, se descarregam densas e negativas energias contidas na aura, além do estabelecimento de condições psíquicas que são responsáveis por ativar faculdades do médium com intercessão ao Plano Astral ou Espiritual.

Como forma de esclarecimento quanto ao processo de potencialização de energia através do estalar de dedos para os corpos: o espírito pensa pelo Corpo Mental, sente pelo Corpo Astral, e através dos Centros de Forças existentes no Corpo Astral, aciona o Corpo Duplo Etérico nos pontos correspondentes a esses centros, que no Corpo Etérico são denominados Chacras, aglutinando-se e situando-se nos plexos nervosos para que o corpo físico possa ser acionado. Assim, estes plexos nervosos sendo ativados através do estalar de dedos, todo o entorno também será.

Em outro contexto, relacionando o trabalho realizado na Umbanda, ainda podemos utilizar as palavras de Ramatís no que se refere a outro poderoso recurso: o bater palmas, podendo ser aliado ao estalar de dedos para purificar, limpar, encaminhar e transmutar energias mais densas: Já quando bateis palmas, sendo vossas mãos pólos eletromagnéticos, a esquerda (-) e a direita (+), quando as duas mãos ou pólos se tocam, é como se formassem um curto-circuito através das quais emanam faíscas etéricas de vossas palmas. Quando os pretos velhos em suas manifestações batem palmas, durante os atendimentos de Apometria, é como se essas faíscas fossem “detonadores” de verdadeiras “bombas” ectoplásmicas que desmancham construções astrais, laboratórios e amuletos de magos negros.

(Trechos mencionados do livro: Jardins dos Orixás – Ramatís)

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s