Artigos

Incansabilidade: o ar puro que nutre a vida

aguia_incansabilidade

Incansabilidade é nunca ficar desapontado; nunca permitir que nada tire a cor, a vivacidade, as variações, a beleza da vida. E, acima de tudo, incansabilidade significa nunca matar o amor. Sendo assim, ela tem pouco a ver com o corpo. No lugar onde tijolos erguidos podem simplesmente cair ou conseguir um lugar onde as pessoas choram, um sorriso pode construir uma nova fundação. Incansabilidade tem a ver com o espírito.

Incansabilidade é quando você permanece tranquilo numa posição mental específica e dá ao que quer que você esteja fazendo a força pura daquela tranquilidade – seja a luminosidade de um sorriso ou a calma da observação. Qualquer que seja a cor, você a acrescenta à cena, de forma articulada e sem manchas. É então mover-se daquela cor para a seguinte, sem hesitação, sem contornos borrados; mudando repentinamente de acordo com a necessidade. Incansabilidade requer confiança. Ela também requer tal amor pela vida que não há um recuo sequer em direção ao passado ou anseio pelo futuro. O agora é belo e é válido colocarmos energia nele. Tudo é importante.

Às vezes, o que auxilia a incansabilidade é nos recolhermos suavemente da cena visível e focalizarmos a cena mental. Não vale à pena concentrar-se numa cena sem cor ou profundidade, mas além dela, alguém está chamando, há um trabalho a ser feito em silêncio. Quando você aprende a ouvir necessidades à distância, não fica mais cansado com uma vida óbvia. Sua mente encontra sempre relevância…em algum lugar, silenciosamente.

A incansabilidade vem para aqueles com uma consciência do tempo, para aqueles que reconhecem o quão crítica a vida está, como cada momento oferece algo muito mais significativo do que aquilo que é aparente e como, também, há tanto sofrimento. Ele lhe impede completamente de “dormir”. Desenvolver uma consciência da vida que ultrapasse nossos limites imediatos traz uma inquietação saudável, que usada de modo correto e inspirada com paz, é uma contribuição em direção à transformação – algo tão visível como tijolos de uma fundação, mas igualmente importante. Pois para essa incansabilidade, que sente a importância das coisas não diretamente relacionadas a você – mas que são assuntos maiores – precisa haver poder. Poder vem de alcançar altura, de ir além do imediato e, de cima, captar uma visão mais ampla da vida. E, então, permanecer nessa posição elevada: acima do agora, acima das barreiras, acima dos relacionamentos, acima dos sentidos, acima até mesmo do seu próprio corpo. Você deixou para trás a confusão e a estreiteza que o tornam cansado e alcançou ar puro. Ar puro é o primeiro remédio.  

(Do livro Beleza interior: o livro das virtudes – Anthea Church)

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s